Estado Islâmico ameça invadir Vaticano para cumprir profecia de Maomé

Capa da revista do Estado Islâmico
A revista eletrônica do Estado Islâmico chamada "Dabiq", publicou em sua última edição a reafirmação de invasão ao Vaticano. Com o título "The Fail Crusade"(na tradução livre do inglês significa "A Cruzada Fracassada"), a revista fala sobre a perseguição da Igreja Católica na Idade Média contra os seus opositores.

A capa da revista publicou uma imagem com a bandeira do Estado Islâmico no topo do obelisco na Praça de São Pedro no Vaticano, e ressuscitou a promessa do Estado Islâmico de perseguir e matar os cristãos.

Um escritor chamado Robert Spencer, que também é pesquisador e estudioso do islamismo, em seu livro chamado "Infidel's Guide to ISIS"(Guia do infiel para entender o Estado Islâmico), explica em detalhes os planos dos extremistas, e no livro ele explica que o grupo pretende decapitar o Papa em praça pública com transmissão via internet e o hasteamento da sua bandeira.

Esse plano dos extremistas Islâmicos com a decapitação do papa daria início ao Armagedom, e segundo os planos dos extremistas contado por Robert aconteceria em até 10 anos. Os planos foram construídos com o pretexto de cumprir as profecias de Maomé e promover a "batalha final", entre os "infiéis" judeus e cristãos e os muçulmanos.

Os extremistas Islâmicos vem se dedicando em cumprir as previsões do profeta Maomé sobre as conquistas das maiores cidades do Império Romano que era Roma e Constantinopla, que hoje é a cidade turca de Istambul(que já é dominado pelo Islamismo) e Roma que é vista como a capital do cristianismo por ter a sua importância nos primeiros anos da Igreja Primitiva e por ser sede nos dias atuais da Igreja Católica.


Seja um assinante e saiba tudo em primeira mão!

Digite o seu e-mail corretamente 
no campo acima

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.