Luzes instaladas embaixo da pele da mão são para "avanços tecnológicos"

Biohackers ou grinders, pessoas que acreditam que os avanços tecnológicos são para todos e que deve ser uma ferramenta em prol do cidadão normal, não somente das instituições, desenvolveram um sistema que simula o efeito de bioluminescência, o mesmo fenômeno que acontece com os vagalumes e águas-vivas que tem a capacidade de produzir luz própria.

O invento segundo a empresa americana que está produzindo o "Northstar 1", é inserido por baixo da pele humana, mais especificadamente na região do dorso da mão, ativado por um imã, que ao se aproximar do aparelho mantém os cinco leds acesos por 10 segundos.

A intenção da criação do aparelho foi através de uma demanda de biohackers, que desejam que suas tatuagens fossem luminosas.

A invenção tem por objetivo revolucionador e futurístico, pois pretende não só dar luminosidade para as tatuagens, mas o "Northstar 2" está chegando para interagir com demais gadgets através de bluetooth, e controlar aparelhos através dos movimentos das mãos. O aparelho é estético e tem o tamanho de uma moeda. Informações e fonte "Revista Galileu".


Seja um assinante e saiba tudo em primeira mão!

Digite o seu e-mail corretamente 
no campo acima

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.