Pastor fez vídeo falando sobre suicídio antes de tentar se matar

Um dos casos com grande repercussão nacional que abalou o mundo gospel desde ontem (6), é o do pastor Felipe Heiderich, marido da pastora Bianca Toledo, que está sendo suspeito de abusar do enteado de 5 anos.

O caso chamou tanto a atenção de todos, que muitos resolveram prestar atenção nas palavras ditas pelo pastor que circulam na internet. Em um dos vídeos feito pelo pastor em seu canal no Youtube, ele fala sobre o suicídio, atitude que o próprio pastor tentou tomar mas sem sucesso.

Respondendo no vídeo se o suicídio é pecado ou não, Felipe Heiderich, disse acredita que Deus é um coletivo, mas trabalha no individual. Segundo a teoria de Felipe, Deus olha caso a caso e analisa se a atitude da pessoa foi boa ou ruim.

Para o "pastor", Deus considera o tempo de serviço em sua obra, a bondade, o amor, e caso a pessoa cometa um ato contra si próprio, o Templo do Espírito Santo, Deus levará em consideração, não deixando a pessoa padecer no inferno. Ou seja, as teorias apresentadas por ele, vão contra a própria Palavra de Deus, se baseando em suas próprias teorias como corretas.

O vídeo foi postado a quase um ano atrás, e recentemente, segundo sua esposa, Bianca Toledo, Felipe Heiderich tentou o suicídio. Após a tentativa de suicídio, Felipe foi avaliado em uma clínica psiquiátrica, onde foi diagnosticado com "psicose maníaco-depressiva, com neurose grave, múltiplas personalidades".

Bianca Toledo divulgou um vídeo (assista aqui) dizendo que deu entrada na anulação de seu casamento, após Felipe assumir ser homossexual. Felipe se encontra preso em Bangu, onde se encontra desde terça-feira.


Seja um assinante e saiba tudo em primeira mão!

Digite o seu e-mail corretamente 
no campo acima

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.