Atletas declaram sua fé em Cristo em entrevista e dizem: "Estou aqui para amar e servir a Cristo"


Existem atletas normais e atletas que usam o esporte como meio de evangelização, como o caso de dois atletas norte-americanos que se classificaram para disputar as olimpíadas do Rio de Janeiro. Segundo a declaração dos dois a um canal de televisão americano, os dois contaram que querem usar a possibilidade de ganhar medalhas para falar de algo maior.

Steele Johnson e David Boudia se emocionaram bastante ao ganhar a vaga para as Olimpíadas do Rio de Janeiro, se juntando com a equipe de mergulho dos Estados Unidos. Em entrevista à uma repórter do canal de TV americano 'ABC', eles deram a seguinte declaração: "Não podemos levar os créditos por isso. A Deus seja a glória."

Os atletas não perderam a oportunidade de compartilhar o evangelho diante da repórter que os entrevistava, que para a surpresa da entrevistadora, eles assumiram que ganhar a medalha nessas olimpíadas para eles não é tudo, que existe algo mais grandioso do que ganhar a competição para os dois.

Os dois atletas que são mergulhadores de saltos ornamentais, contaram durante a entrevista que a verdadeira vocação da dupla é espalhar o amor de Cristo através do esporte que escolheram.

Ao ver o bom resultado conquistado, Steele acabou não se contendo e se emocionou, chorando de emoção. A repórter ao ver o atleta emocionado, perguntou qual seria a sua reação depois de ganhar um lugar na equipe de mergulho dos Estados Unidos para os jogos Olímpicos, ele respondeu:

"Eu tenho trabalhado para realizar este sonho por um longo tempo. Eu sinceramente nunca pensei que chegaria o dia. Eu simplesmente pisquei e agora estou na equipe olímpica de 2016. É legal, porque isso é empolgante, é divertido, mas não vai ser a minha identidade para o resto da vida", contou Steele.

A resposta despertou a curiosidade da repórter em relação a sua identidade, onde retornou outra pergunta ao atleta, questionando qual seria a identidade que ele buscava para a sua vida. A resposta foi ainda mais surpreendente, onde o atleta lembrou que é Jesus que definirá a sua identidade.

"Sim, eu sou Steele Johnson, atleta olímpico, mas ao mesmo tempo eu estou aqui para amar e servir a Cristo. Minha identidade está enraizada em Cristo", declarou Steele para a repórter e para o mundo.

A resposta deixou a repórter surpresa e ao mesmo tempo curiosa para saber a resposta do outro atleta, David Boudia, que já conquistou uma medalha de ouro nas olimpíadas de Londres em 2012, porém a resposta não foi menos surpreendente.

"Logo antes de eu subir para este último mergulho, emoções simplesmente se derramavam dentro dentro de mim. Não podemos levar o crédito por isso... A Deus seja a glória, porque é por isso que nós fazemos o que fazemos todos os dias", respondeu Boudia.

Veja no vídeo abaixo o salto e a entrevista:

Seja um assinante e saiba tudo em primeira mão!

Digite o seu e-mail corretamente 
no campo acima

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.