Físico define limite para o fim da humanidade e para ele essa data não está longe


Falar sobre o fim não é algo muito bom, mas ao mesmo tempo desperta o interesse de muitas pessoas. Diante de tantas coisas que acontecem em nosso planeta diariamente, o assunto sobre o fim de tudo nos leva a crer que estamos de fato perto de um fim.


Prever o fim de tudo ninguém consegue, onde até mesmo a Bíblia garante que nem os anjos dos céus, muito menos o Filho (Jesus), sabe nem o dia muito menos a hora, informação que é exclusiva do Deus Pai (Mateus 24:36), mas sempre surge alguém querendo prever, e dessa vez quem está prevendo não é um vidente, muito menos alguém que diz ter achado na Bíblia coincidências sobre o fim, mas um dos físicos mais famosos e renomados do mundo, Stephen Hawking.

O celebre físico, Stephen Hawking, não se omitiu, definindo um limite para existirmos no Planeta Terra, e segundo Stephen, o prazo é mil anos.


O físico durante um evento, falou que nosso planeta é frágil, acreditando que não sobreviveremos por mais de 1 mil anos, acreditando ser necessário ir para o espaço. "Mas nós precisamos continuar indo ao espaço para o futuro da humanidade. Eu não acho que sobreviveremos mais 1 mil anos sem escapar e ir além de nosso frágil planeta", contou o físico Stephen.

Para o físico os próximos 100 anos da humanidade será bastante preocupante, aconselhando que é preciso olhar para as estrelas, não para debaixo dos próprios pés. "Tente dar sentido ao que você vê, pergunte sobre o que faz o universo existir. Seja curioso. No mais difícil que a vida possa parecer, sempre há algo que você pode fazer e ter sucesso. O mais importante é que você não desista", aconselhou o físico Stephen Hawking. Informações e fonte "TecMundo".

E você, o que acha dessa mais nova previsão?






Seja um assinante e saiba tudo em primeira mão!

Digite o seu e-mail corretamente 
no campo acima

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.