Por causa de dívida mulher agride gestante que perde bebê


Você já deve ter lido na Bíblia ou ouvido pela boca de alguém, que por se multiplicar a iniquidade, o amor de muitos iria se esfriar (Mateus 24:12), e o caso abaixo é um verdadeiro exemplo de falta de amor e excesso de iniquidade.

Em Sátiro Dias, interior da Bahia, uma mulher perdeu o bebê que esperava a cinco meses, logo após ser agredida por uma comerciante. Após ser agredida, a jovem que foi identificada como Maria, ficou internada em um hospital municipal para se recuperar do aborto.


Os investigadores da delegacia local, que estão acompanhando o caso, relatou que a vítima até o momento não registrou nenhuma queixa contra a agressora, mas os agentes ainda não sabem se a mulher está totalmente recuperada do aborto para comparecer na delegacia e registrar sua queixa.

A agressão contra a gestante foi registrada por uma pessoa ainda não identificada, sendo muito compartilhado nas redes sociais e despertando diversos comentários de indignação dos internautas que assistiram o vídeo.

O vídeo que circula nas redes sociais, mostra uma mulher agredindo uma jovem gestante, que golpeia a jovem na altura do útero, o que está comprovando para os investigadores, que a agressora tinha a intenção de interromper a gestação da vítima.

A briga foi motivada por uma dívida da vítima com a agressora, que é uma comerciante local, onde segundo testemunhas, não era a primeira vez que a comerciante identificada apenas como Gabriela, procurava a vítima para cobrar uma dívida.

A agressora fugiu após a repercussão do vídeo para Salvador, logo no dia seguinte, e até o momento continua foragida, e o autor do vídeo, também responderá por ter incentivado e compactuado com a agressão. Informações e fontes "Extra".



Seja um assinante e saiba tudo em primeira mão!

Digite o seu e-mail corretamente 
no campo acima

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.