Homem ressuscita uma hora após ser declaro morto por equipe médica


A equipe médica do Serviço de Pronto Atendimento(SPA), na Zona Norte de Manaus, no Amazonas, presenciou algo raro na última terça-feira(11), com o gari Ronaldo Martins de Souza, de 63 anos, que após ter sofrido uma parada cardiorrespiratória, teve sua morte confirmada, mas ressuscitou depois de uma hora.

Após os médicos decretarem a morte de Ronaldo, uma das três filhas do homem iniciou a parte burocrática para o enterro do corpo e a compra do caixão. A filha contou que pouco antes da notícia, ela tinha se despedido do pai, fazendo uma oração por ele para que ele fosse em paz, mas após saber que o pai tinha "ressuscitado", ela considerou o fato um milagre.


"Foi algo inexplicável. Pouco antes eu tinha me despedido dele. Peguei na mão do meu pai e fiz uma oração para ele ir em paz. Muita alegria dele ter retornado. Foi um milagre", contou a filha.

Mesmo com a volta do pai, o quadro dele ainda é considera pelos médicos como grave, estando em coma induzido, apresentando pneumonia e com edema cerebral. Segundo a filha, tudo começou quando o pai teve um infarto sendo encaminhado para o hospital.

O homem tem 3 filhas e todas estavam presentes na unidade hospitalar, quando a médica saiu da sala com a notícia de que Ronaldo estava morto. Os médicos tentaram reanimar Ronaldo por uma hora, mas sem nenhum sucesso. "A médica saiu da sala e disse que ele estava morto. Que já havia chegado em óbito. Ela disse ainda que a equipe tentou reanimar ele por uma hora, mas que já era tarde. A doutora orientou que a gente seguisse para o necrotério e fomos aguardar o corpo. Foi uma comoção", contou uma das filhas do gari.

Após o recebimento da notícia, uma das filhas se encaminhou para casa, a fim de avisar a mãe, a esposa de Ronaldo, que ainda não estava ciente da morte do marido, quando no meio do caminho uma ligação surpreendeu.

"Não podia falar pelo telefone porque minha mãe é hipertensa. Mas no caminho, a minha outra irmã me ligou dizendo que a médica disse que ele tinha voltado. Foi uma mistura de sensações que nem sei explicar. Agora é esperar meu pai sair do coma e voltar para casa", contou a filha de Ronaldo que está bastante esperançosa que o pai volte para casa. Informações e fontes "G1".


Seja um assinante e saiba tudo em primeira mão!

Digite o seu e-mail corretamente 
no campo acima

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.